Skip to content

O Fim do Mito Sobre Transferir Título de Eleitor





Já sabe como transferir título de eleitor? Saiba como isto é feito. O Título de Eleitor é um dos importantes documentos que devemos ter. É por meio dele que é permitido o Direito de Votar.

E sem ele, além de não poder votar, não é permitido realizar outras várias atividades. Geralmente tiramos o título para votar na cidade, estado em que moramos.

Quando você muda de um estado para outro, ou muda de cidade, se faz necessário a transferência do Título de Eleitor.




Este documento no momento da votação só serve se você tirou ele para exercer o voto naquele estado ou município. Sendo assim, para continuar exercendo seu direito ao se mudar faça a transferência do seu Título.

E neste artigo, vamos estar explicando tudo que você precisa saber sobre a transferência do título de eleitor.

Atente-se aos nossos tópicos:

Como Transferir Título de Eleitor

Transferir Título de Eleitor
Transferir Título de Eleitor

Para transferir o título de eleitor deve-se procurar o Cartório Eleitoral do seu Município ou Postos de Atendimento ao Eleitor. Com os todos os documentos solicitados.

Além disso, é obrigatório que a pessoa já resida há no mínimo três meses no local e que tenha tirado o título pelo menos há 1 ano. Ou ainda, caso já tenha feito outras transferências, ter ao menos 1 ano também de tal fato.




Entretanto, existem algumas exceções quanto a obrigatoriedade citada acima, para servidores públicos como civil, militar e autárquico. Isso, desde que seja por motivo de remoção. Sendo que também é válido para membros familiares.

A transferência de título de eleitor só não é possível diante de algumas situações. Tais como:

  • condenação criminal sem que a pena tenha sido cumprida;
  • condenação por improbidade administrativa em que a pena de suspensão não tenha sido cumprida;
  • Possuir cadastro eleitoral incompleto;
  • Possuir débitos com a justiça eleitoral;
  • Não ter prestado serviço militar ou está cumprindo o serviço.

Lembrando que a transferência de título é feita de forma gratuita. E ainda é possível agendar transferência de título pelo Título Net.



Este é o link: (http://www.tse.jus.br/eleitor/titulo-de-eleitor/pre-atendimento-eleitoral-titulo-net/titulo-net).

O qual é realizado pelo site do TSE, facilitando assim a vida do usuário.

Qual o Cartório Eleitoral Deve Fazer a Transferência

Certamente, esta pode ser a dúvida de algumas pessoas quando precisam transferir título de eleitor.

Primeiramente, veja qual é o cartório mais próximo da sua residência. Isso porque, provavelmente este será seu domicílio eleitoral.

Ou seja, a transferência de título eleitoral deve ser realizada no cartório localizado nas proximidades da sua nova residência.

Então, logo ela não pode ser feita no antigo cartório a qual pertencia seu título, ou aonde você morava.

Quais Documentos Para Transferir Título de Eleitor

A saber, quem for transferir título eleitoral lembre-se de que é necessário levar alguns documentos.

Em geral os documentos para transferir título de eleitor são o próprio título, documento de identificação original com foto, CPF e comprovante de residência.

No entanto, verifique quais os documentos de identificação são permitidos para serem apresentado nesta situação. Pois isso, pode variar de um cartório para o outro.

Em SP por exemplo, são vários permitidos desde o RG, passaporte, carteira de trabalho, CNH e até mesmo carteiras como da OAB, CRM e outros. Além da certidão de nascimento ou casamento.

Preciso Transferir o Título, Até Quando Devo Fazer?

Essa provavelmente também pode ser a dúvida de muitas pessoas.

Primeiro de tudo quem precisa transferir título de eleitor pode fazer isto em qualquer época do ano. Desde que não seja ano eleitoral.

Isso porque o prazo para transferência de título em ano eleitoral é até 151 dias antes de ocorrer as eleições. Passou disso, não será mais possível fazê-lo antes das eleições.

Caso não consiga realizar a transferência antes desse período em ano eleitoral a pessoa poderá justificar a ausência. Ou então, viajar até seu antigo domicilio eleitoral para estar votando.

E depois desse período poderá transferir título de eleitor tranquilamente.

Documentos Para Transferir Titulo de Eleitor

Vou Mudar de Cidade, Preciso Transferir Meu Título?

Para quem mudou de cidade ou irá mudar e está em dúvida se precisa transferir título de eleitor, saiba que a resposta é sim.

É recomendado transferir título de eleitor para outra cidade, sempre que eleitor fizer mudança por um prazo longo.

Além disso, até mesmo quando mudar de um bairro para outro pode ser que tenha que mudar a zona eleitoral, por exemplo.

Vou Mudar de Estado, Preciso Transferir Meu Título?

E quem mudou de estado e também está com essa dúvida sobre fazer a transferência do título, também é preciso.

É importante que o eleitor faça parte do seu novo domicílio eleitoral. Conheça os candidatos a cada cargo, até mesmo para poder correr atrás dos seus direitos.

Poder reclamar e verificar o que cada um tá fazendo pelo seu município ou estado. E também pelo país.

O que você achou deste conteúdo?

Aproveite para saber mais acessando os outros artigos do blog → Cartório Eleitoral e veja também o vídeo: